Sumo de arandos e especiarias

Esta semana não está a ser das melhores semanas de sempre. Em qualquer casa os bichinhos maus batem à porta e temos é de estar munidos para lutarmos contra eles. No domingo tive de ir ao hospital com a minha mini, pois estava com uma infecção urinária. Problema comum em meninas. E apesar de muita higiene e de muitos cuidados, às vezes sem darmos por isso o raio da bactéria vem aborrecer-nos. E, nós mulheres, sabemos bem o quanto custa uma infecção urinária… ai…

Mal contei à minha irmã o que se estava a passar com a mini, ela falou-me que uma pediatra, um dia, tinha-lhe falado do poder dos cranberries (arandos) no combate às infecções urinárias. Claro que fui logo pesquisar e realmente os arandos são poderosos mesmo! Resolvi fazer um sumo, pois seria mais fácil para a Maria beber, mas queria arandos frescos, uma vez que os secos já contêm açúcar. Enfim.. não os encontrei e depois pensei para mim, se eu não os encontro, também será difícil para os meus leitores. Ok, faço com os secos!

Mas antes da receita, vamos lá saber o poder dos arandos.
Os arandos (têm outros nomes como: mirtilos-vermelhos, oxicoco, arando-vermelho, airela ou cranberry) são riquíssimos em proantocianidina. Esta substância é de 15 a 25 vezes mais poderosa que a vitamina E, sendo que combate na perfeição a inibição de bactérias do E.coli na mucosa da bexiga, ou seja, combate as infecções do trato urinário. Para além disso o arando contém as vitaminas C e E, menos signitificativas que a proantocianidina, e é, também um antioxidante (se quiserem saber mais dos poderes antioxidantes vejam este post).

A médica-pediatra que falou destes poderes à minha irmã relatou que desde que começou a beber sumo de arandos nunca mais teve infecções urinárias. Sempre que tem relações sexuais, toma 1 a 2 copos de sumo e ajuda a prevenir. Faz-nos pensar, não?


Sumo de arandos e especiarias

Ingredientes:

60g de arandos secos (comprei os meus no continente na secção área viva)
1 pau de canela
1 c. de café de gengibre em pó
1L de água

Preparação:

Coloque todos ingredientes num tachinho e leve ao lume. Deixe levantar fervura. Deixe ferver aproximadamente 2 minutos, reduza temperatura para média durante 10 minutos.
Retire do lume e passe pela varinha mágica (retirando previamente o pau de canela).
Passe o caldo por um coador para um frasco ou um jarro.
Deixe arrefecer por completo e guardo no friogrífico.
Aguenta 3 a 4 dias.

Notas: Eu não coloquei açúcar nenhum. Os arandos secos já têm açúcar, pelo que fica bastante docinho. No fundo este sumo é um chá que se toma frio. Se quiserem tomá-lo quente também podem. Eu prefiro fresco. O gengibre e a canela dão-lhe um sabor mais intenso, tornando o sumo mais aromático.

Sumo de arandos e especiarias Comentários
  1. O que se aprende aqui … que bom! Nunca vi por cá arandos frescos, com muita pena minha, pois gosto bastante e agora ainda mais. Costumo comprar no "Aldi", mas hei-de procurar no "Continente", pois os teus têm melhor aspecto. As melhoras da pequenota, 🙂

    1. Olá carlota,

      A sua pergunta é muito pertinente.
      Fui pesquisar com atenção e o facto de ferver ou aquecer os arandos (cranberries) faz com que os mesmos reduzam as suas propriedades antioxidantes, mas as vitaminas e a propriedade de proantocianidina mantém-se. Talvez não ao mesmo nível, mas suficiente para o efeito pretendido.

      Espero ter ajudado.
      Um beijinho e obrigada pela sua visita.
      Mª João

  2. OLá! No Lidl costuma haver uns sacos só com arandos, groselhas,mirtilhos, se os conseguir separar de certeza que consegue mais quantidade do que as 60grs da receita e o resto da fruta sempre dá para compota . AS melhoras para a sua menina! Beijos

  3. Sabia que os frutos vermelhos são muito ricos em antioxidantes e são muito benéficos e recomendados para a saúde, mas desconhecia todas estas propriedades dos cranberries (detesto a palavra arandos), um fruto que é menosprezado e desconhecido ainda por muitos.
    Estamos sempre a aprender! mais um post de interesse público e muito útil. 😉
    Beijinho.

  4. Oh coitadinha da tua fofinha!!!
    Até a nós adultos custa imenso uma infecção horrorosa dessas, imagino a uma criança!!
    Que belo sumo este e com todas estas propriedades, eu aqui que tenho sempre montes de arandos frescos, vou usufruir muito desta sugestão com certeza!!
    Beijinhos grandes e bom fim de semana e as melhoras da tua Princesinha,
    Lia.

  5. OLÁ JOÃO
    ESPERO QUE A SUA MINI ESTEJA MELHOR
    UMA DICA: PROCURE NAS LOJAS GLOOD , ARANDOS CONGELADOS, SÃO ÓPTIMOS. ENCONTRARÁ MUITOS MAIS PRODUTOS QUE VAI GOSTAR DE COMPRAR PARA AS SUAS RECEITAS. NO NORTE HÁ UMA LOJA NA MAIA.
    MARGARIDA CARVALHO-AS MELHORAS DA MINI.

  6. Gostei muito deste sumo 🙂 felizmente não sofro com infecções urinárias mas adoro o sabor dos arandos e fiquei muito curiosa para experimentar. Já conhecia as propriedades deste fruto, existem alguns suplementos alimentares à base das proantocianidinas que são muito eficazes na prevenção e na redução dos sintomas iniciais da infecção, mas é bem mais saboroso tomá-las assim 🙂

  7. Olé,

    Aqui estou eu a tentar comentar… vai devarinho mas vai. Não há vez nenhuma que olhe para arandos e que me lembre do histerismo da Inês em Londres. Gostei deste teu sumo e realmente é complicado encontrar, ainda bem que conseguiste a tempo. Beijos pra ti e para a Maria.

  8. Ferver os arandos retira-lhes parte das propriedades…Tal como juntar açúcar. O ideal seria sumo de arandos frescos sem aditivo algum. Geralmente existe nas lojas como celeiro e afins.
    Incluir arandos desidratados(em passas) nos cereais de manhã também é uma boa ideia.
    Mas para as infeccções urinárias também temos cá coisas boas, como por exemplo o chá de pés de cereja 🙂 É só guardar os pés de cereja e secá-los 🙂

  9. Olá! 🙂
    Como disse acima o ferver tira-lhe mesmo algumas das propriedades, mas os frescos também teriam de ser fervidos. Eu não juntei açúcar nenhum, pois os arandos secos já têm na sua composição açúcar de cana. Mas se fosse com os arandos frescos não tinha mesmo outra hipótese.
    Por acaso em relação ao chá de pés de cereja é realmente uma boa opção. Não tão eficaz, mas uma excelente hipótese. Claro que nesta época do ano ter os pés de cereja é tarefa quase impossível. Mas ainda ontem vi nas lojas Celeiro à venda. Por isso aqui temos uma excelente opção.

    Obrigada pelo seu comentário.
    Um beijinho grande

  10. Olá Maria João!
    Como eu sei o que são infeções urinárias! Tenho-as várias vezes ao ano e são sempre muito difíceis de suportar. Adorei a tua ideia. Desconhecia por completo o poder dos arandos no combate a este tipo de infecções. Já guardei esta tua receita, mas aproveito para te deixar uma dica: também um grande amigo para combater e tomar durante uma infeção urinária é o chá de Barbas de Milho. Costumo tomá-lo para prevenir e durante a infeção, para ajudar a limpar as vias urinárias.
    Um beijinho grande

    1. Eu compro o meu no el corte, mas custa-me quase 4€ um frasco vidro de arando puro de uma marca italiana. Essa embalagem de 1€ é de que quantidade e de marca?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Nome *