Muito obrigada e… um pedido importante! {Ceviche de salmão selvagem}

Hoje este post é para as “minhas” mulheres.

Hoje falo para vocês que trabalham todos os dias ao meu lado. Vivemos um sonho realizado, o meu sonho mas que revejo em vocês o mesmo sonho. Somos 10 mulheres, de “pelo nas bentas”, mulheres do norte, de mangas arregaçadas e sempre prontas para um desafio. Lutamos diariamente para um projecto comum. E ver o vosso entusiasmo pelo nosso projecto é algo de que me orgulho muito.

Estava na altura de o dizer, em voz alta, este orgulho que me enche o peito todos os dias. Ver que, nem há 2 anos, era só eu e que hoje somos 10 com uma carteira de clientes inacreditável. O nosso trabalho cresce todos os dias, os desafios são cada vez maiores, mas a nossa capacidade evolui ao mesmo ritmo.

No meio dos tachos, panelas, frigideiras, colheres de pau e milhares de props, rodeadas de câmaras, computadores e softwares. Somos hoje uma equipa multifacetada e versátil onde cada uma tem, além da sua função primordial, espaço para desenvolver outras competências. Somos designers e administradoras, nutricionistas e modelos de mãos, fotógrafas e gestoras, jornalistas e cozinheiras, mães e pasteleiras, editoras e vozes-off, desenhadoras e investigadoras. Somos naturalmente criadoras, comunicadoras e sonhadoras, em português ou em várias outras línguas.

Estamos empenhadas num único propósito, comunicar os prazeres da mesa ao estilo Clavel’s Kitchen. Somos como a nossa marca: um grupo bonito, simplesmente complexo, empenhado e tentador.

E é a vocês que tenho de agradecer a todo este resultado incrível!

Aos meus leitores o meu honesto pedido de desculpas por andar tão ausente deste cantinho. Mas apesar de sermos cada vez mais, não tenho conseguido ter a calma/tranquilidade de vos vir pondo a par de toda esta loucura. É algo que tenho de melhorar.

E, por isso, andamos à procura do 11º elemento. E mesmo sendo 10 mulheres não temos impedições de género, como é óbvio. Mas precisamos de alguém que sinta esta mesma paixão que nós, pela cozinha, pelo prazer de comer e que tenha uma criatividade na elaboração de pratos inesgotável. Precisamos de alguém que ame cozinhar, que consiga numa tarde imaginar a possibilidade de criar 30 pratos diferentes. Que consiga visualizar graficamente um prato e que entenda da conjugação dos sabores com as cores. Queres ser esse 11º elemento? Se sim envia email para candidaturas[arroba]clavelskitchen.com

Como sempre trago, também, uma receita. Esta receita foi feita com o salmão selvagem da Iglo, verdadeiramente incrível. Com uma combinação de sabores inusitados e inesperados que tornam este prato incrivelmente delicioso.

Ceviche de Salmão Selvagem com Tapioca e Maracujá

Ingredientes
Para a tapioca
100 g de tapioca
500 ml de água
Sal e pimenta a gosto
Casca de lima (só a parte verde)
Para o ceviche
1 tranche de salmão selvagem IGLO (350 g)
½ malagueta vermelha picada
1 cebola pequena picada
½ pimento vermelho picado
2 c. de sopa de coentros picados
2 c. de sopa de sumo de lima
2 c. de sopa de sumo de laranja
1 c. de sopa de azeite
4 maracujás (polpa)
Flor de sal q.b.
Preparação
Comece por preparar a tapioca. Coloque-a numa taça e cubra com bastante água, para hidratar bem e aumentar de tamanho (cerca de 1 hora).
Transfira para um tachinho, junte a água, o sal, a pimenta e a casca de lima e deixe cozer durante 5 minutos, mexendo sempre, até ficar bem macia. Reserve e deixe arrefecer.
Para o ceviche, coloque numa taça o salmão cortado em cubos, juntamente com a malagueta, a cebola, o pimento e os coentros. Envolva bem e junte o sumo de lima.
Deixe repousar durante 10 minutos.
Adicione o sumo de laranja, o azeite, a polpa de maracujá e a tapioca e envolva novamente. Tempere com a flor de sal e leve ao frigorífico até servir.
Muito obrigada e… um pedido importante! {Ceviche de salmão selvagem} Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *