Primavera, anda ter connosco, por favor!

O sol hoje tem espreitado. Um pouco tímido. Teima em aparecer e logo a seguir desaparecer. Há umas semanas o quentinho começou-se a sentir e até parece que estão a brincar connosco, pois já estávamos todos felizes a escolher roupas mais leves e mais primaveris e de repente vem este vento que corta até a respiração. Os pés voltam a gelar, temos de voltar a ir buscar um lenço, ou uma gola maior para nos protegermos.

Esta é a minha estação. A estação que mais gosto e a estação onde celebro o meu aniversário. Gosto dela, porque apesar de muitas vezes matreira e não sabermos bem se estará frio ou calor, é a estação em que vemos o florescer de todas as plantas. É, para mim, sem dúvida a estação mais mágica de todas.

Por isso, S. Pedro, vá lá, deixa-nos brindar à Primavera. Deixa o sol e as temperaturas mais amenas começarem a aquecer-nos um pouco mais.

Esta receita é um brinde e um chamamento à Primavera. É reconfortante, saborosa, colorida, para além disso é linda. Fica bem em qualquer mesa.

Vamos então arregaçar as mangas e sentir à mesa o poder da primavera. 🙂

Rolinhos de couve lombarda 
recheados com cogumelos e salsicha fresca
Ingredientes:

4 folhas de couve lombarda
2 salsichas frescas
50g de cogumelos brancos frescos
4 dentes de alho
1 talo de aipo
2c. de sopa de molho de soja
Azeite extra virgem
1 lata de polpa de tomate
oregãos q.b.
manjericão q.b.
queijo parmesão ralado na hora
sal q.b.

Preparação:

Pré-aqueça o forno a 180ºC.

Comece por escaldar em água a ferver com um pouco de sal as 4 folhas da couve, durante 2 minutos. Retire-as da água, escorra bem e deixe-as arrefecer.

Num tachinho coloque 2 dentes de alho finamente picados e metade de um talo de aipo picado finamente. Regue com um fio de azeite e deixe que o alho comece a estalar. Coloque o recheio das salsichas (com a ajuda de uma faca corte a pele e retire o interior da salsicha) e os cogumelos cortados às fatias. Deixe apurar, tempere com um pouco de sal e pimenta (opcional). Regue com o molho de soja e deixe refogar durante 5 minutos (sensivelmente) em lume médio.

Entretanto num recipiente que possa ir ao forno e que também possa ir ao fogão (usei uma assadeira de esmalte – caso não tenha faça num tacho e depois verta para a assadeira) e coloque 2 dentes de alho picados finamente e o restante tal de aipo, também, picado finamente. Regue com um fio de azeite e deixe que o alho comece a estalar. Coloque a polpa de tomate, tempere com sal, oregãos e manjericão a gosto. Deixe refogar lentamente.

Coloque o preparado da carne dentro das folhas da couve. Enrole e coloque os rolinhos por cima da polpa de tomate que está a refogar. No final rale o parmesão por cima e leve ao forno a gratinar.

Eu servi com uma salada de cenoura, alface, tomates-cereja, groselha e microvegetais mizuna verdes.

Primavera, anda ter connosco, por favor! Comentários
  1. Olá Maria João,
    é verdade, já andava eu de mangas arregaçadas e agora este vento gelado a convidar novamente aos cachecóis e às meias de lã.
    Confesso que a minha estação favorita é o verão, pela alegria contagiante que espalha em cada um de nós, mas a primavera é igualmente linda, pela renovação de todo o ciclo da natureza em nosso redor. É feita de cores lindas, sabores e aromas lindos. Como esse teu prato. Simples, saboroso e tão colorido. A chamar por nós.
    Um beijinho

  2. A primavera teima em não chegar…deu um ara da sua graça na semana passada mas logo desapareceu…
    Também faço uns rolinhos de couve mesmo parecidos com esses, a combinação de cores é muito bonita!
    p.s: adoro a jarra

  3. ah ah, estavam todos filados numa primavera amena e ei que ela, matreira, troca as voltas à malta! Ainda assim, é uma bela estação. Se bem que sou fazona do outono 🙂
    Já tenho saudades de comer rolinhos de couve lombarda recheados. Ms nunca levei ao forno, sempre fiz no tacho!

  4. Estamos em sintonia, eu também já celebrei a chegada timida da primavera.
    Sabes, este é um dos meus pratos favoritos apesar de não o comer há já mesmo muito tempo… mas agora que me recordaste vou pedir à minha mãe para me fazer… sim, porque este eu nem me atrevo a fazer, pela mão dela é que é bom 🙂
    Beijinhos

  5. Também desanimei com este frio mas mesmo com ele o sol brilha mais um pouco e isso dá alegria para começar o dia e terminá-lo bem melhor.
    Uma comidinha assim também ajuda a que o dia seja muito melhor…
    Bjoka
    RIta

  6. hummmmmm que delícia !!! e como eu gosto: delícia e super fácil de fazer !! e o que mais gostei? estou numa reeducação alimentar e este prato…pode !!! farei brevemente…mas farei só para mim…acho que meus rapazes não vão gostar…que pena,…não sabem o que estão a perder… obrigada mais uma vez por dividir momentos deliciosos…o que a vida é feita !! bjks

  7. Olá Maria João!
    Não gosto desta Primavera armada em esquisita, pronto! É isso mesmo, já andávamos todos de manga curta, até as noites estavam mais amenas e de repente, toma lá mais frio que é para aprenderes… não há condições.
    Espero que esta receita resulte para que ela volte em grande, pelo menos cor e bom aspecto tem. Já nem duvido que deve ser uma delícia. 😉
    Beijinho.

  8. Um dos meus pratos preferidos (outra receita, claro). Esta parece-me tão boa!
    As fotos, como sempre abrem o apetite… Acho que só pelas fotos comia um rolinho desses mesmo às 8h30 da manhã 🙂

  9. Vim aqui dar a este amável cantinho tão bonito e cheio de coisinhas boas:)

    Deparei me com esta deliciosa receita que cá em casa sempre fiz enrolar a salsicha mas esta nova técncia de tirar o recheio e colocar cogumelos que eu tanto adoro deixou me curiosa:)

    Obrigada pela partilha vou experimentar e depois digo te como ficou:)

    Aproveito para te convidar a conhecer o meu cantinho e a ver o passatempo da Receita Saudável que está a decorrer gostava muito que participasses:)
    http://prazeressaudaveis.blogspot.pt/2014/03/1-aniversario-blogue-passatempo-do-1.html

    Grande beijinho

  10. É mesmo, ando a precisar de sol!
    E ando com saudades destes rolinhos, adoro quando a minha mãe mos faz 🙂 sabem bem, a comida caseira, despretenciosa e de conforto. Porque os dias ainda assim o pedem.
    Um beijinho.

  11. Olá Clavel,
    Eu também adoro a Primavera, pois é, também, a minha estação, mas o Inverno por aqui parece que não quer ir embora. Vêm uns dias de Sol, mas logo seguidos de uns dias cinzentos e frios e embora, lá fora, a Primavera teime em desabrochar, os raios de Sol, esses, teimam em não perdurar…
    Bom, estatua versão de salsichas com couve lombarda… ADORO!! Além de linda, ainda deve ser bem deliciosa, com os cogumelos e o molho de soja deve dar-lhe um travo bem exótico.
    Beijinhos e continuação de bom Domingo,
    Lia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Nome *