Bolo de tangerina

Hoje trago-vos um bolo leve, fresco e muito aromático. Recebi de presente da minha querida mana Sara um saco cheio de tangerinas deliciosas. Apesar de comer bastante fruta ao pequeno-almoço e a minha filha gostar de praticamente todas as frutas, mesmo assim se não fizesse nada com as tangerinas seria difícil dar cabo daquele saco. Eu gosto de praticamente tudo que leva tangerina. Adoro, por exemplo curd de tangerina (ía fazê-lo… mas não tinha manteiga), amo sorvete de tangerina, no verão é o gelado que mais devoro, mas também adoro bolo de tangerina. E hoje fiz um, totalmente de raiz, sem seguir nenhuma receita. Levada pela Anya Marina lá fui dançando e criando este bolo, que modéstia à parte, ficou delicioso.

Usei neste bolo a farinha da nacional e fez-me recordar o workshop de Bolos Reais com o Chefe António Figueiredo a que fui convidada pela própria marca. Foi nos workshops Pop-up, um espaço muito engraçado no Porto para workshops de culinária e não só. O chef fez várias receitas, mas o bolo rei de chocolate foi o rei da festa. Todas nós devoramos o bolo rei. Será um dia para tentar reproduzir em casa. Mas o que vos trago é um bolo mais fresco, a chamar a primavera.

Este é um bolo simples, que fica baixo mas fofo. Não fotografei o interior porque levei para casa da minha sogra. Mas estava fofinho, com a humidade pretendida… humm… mesmo bom. Acompanhado com um chá de limonete é o lanche perfeito. No final polvilhado com o açúcar em pó fica mesmo com aquele aspecto super delicioso.

Bolo de tangerina

Ingredientes:

Sumo de 6 tangerinas
Raspa de 4 tangerinas
1 pitada de sal
4/6 gotas de limão
1 e 1/2 chávena de açúcar amarelo
2 chávenas de farinha sem fermento da nacional
1/2 chávena de óleo de amêndoa
1 saqueta de fermento de padeiro
4 ovos

Ingredientes da cobertura:

200ml de natas
1 c. de sopa de açúcar
1/2 chávena de frutos vermelhos
2 tangerinas
Açúcar em pó para decorar

Preparação:

Pré-aqueça o forno a 180ºC.
Bata as claras em castelo, junte o sal e as gotas de limão (se bater na bimby, com a borboleta, programe 4mins/vel 3,5). Reserve. Bata as gemas com o açúcar até ficar uma massa esbranquiçada (na bimby sem a borboleta 2mins/vel3). Junte a raspa e o sumo das tangerinas e o óleo de amêndoa. Bata tudo muito bem, até ficar bem batido (na bimby programe 1min/vel3,5). Junte a farinha e o fermento e envolva bem, sem bater demasiado para não abater (na bimby 15seg/vel3,5). No final envolva as claras em castelo com a ajuda de uma vara de arames.
Coloque numa forma previamente untada e leve ao forno durante 30 minutos (sensivelmente) ou até o teste do palito sair seco.

Preparação da cobertura:

Bata as natas bem frias (eu nunca uso a bimby para fazer chantilli, nunca me sai bem… e sei os truques todos, mas não vale a pena) até montarem. Junte o açúcar e volte a bater para que fique unido.

Quando o bolo sair do forno e tiver arrefecido por completo cubra-o com o chantilli. Decore com os gomos da tangerina pelados e os frutos vermelhos. Decore com umas folhas da tangerina e peneire açúcar em pó.

Bolo de tangerina Comentários
  1. Que lindas fotos (ainda hei-de aprender a dar esse movimento nas fotos hehehe) e que receita tão perfumada. Adoro tangerinas também Maria João, e no verão, logo a seguir ao de limão é esse gelado que eu mais aprecio hehehe.
    O bolo ficou lindo!

    Beijinhos e boa semana!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Nome *