Opções para uma vida mais saudável

Opções saudáveis, vidas saudáveis, alimentação regrada… bla, bla, bla…

Neste blogue vão encontrando dicas para se manter um estilo saudável, mesmo tendo, também, receitas mais calóricas e algumas nada preocupadas com um estilo de vida saudável. E este é o meu estilo de vida. Não sou fundamentalista, não sigo nada ao extremo, nunca o fiz. Mas, efectivamente, tenho optado por um estilo de vida cada vez mais saudável. Por vários motivos, mas essencialmente porque a partir dos 30 comecei a sentir-me menos forte, menos rija (e eu pensava que era “tanga”), menos capaz de aguentar noites sem dormir, sem capacidade de aguentar 2 copos de vinho ao jantar sem bocejar. Entretanto houve uma época em que estava constantemente doente, amigdalites seguidas, constipações, rinites… enfim, um conjunto tão grande de maleitas que decidi parar para pensar.

E ponderei muito…

É que hoje já não sou só eu que conto, hoje sou importante para duas pequenas que dependem de mim. E, então, hoje, as minhas opções referentes a um estilo de vida saudável, impõem-se cada vez mais. E isto é ser o menos egoísta possível. Por isso, mulheres que me lêem, se pensam que ter tempo para nós, para ir ao ginásio, cuidar de nós, etc é ser egoísta, não é… é exactamente o oposto. Tratarmos de nós é fundamental, para o nosso espírito, para o nosso equilíbrio, para a nossa saúde e consequentemente isso irá reflectir-se nas nossas relações humanas e na qualidade de vida que vamos dar aos nossos filhos.

Há ano e meio que deixei de fumar. Essa foi a decisão mais difícil de todas, pois apesar de fumar pouco (fumava no máximo 4 a 5 cigarros por dia), fumava por puro prazer. Aqueles cigarros sabiam-me mesmo bem. Hoje, confesso, só de escrever isto me deixa angustiada. Depois dessa decisão tomada, comecei a tomar outras, sempre no espírito de que bastam algumas pequenas opções, em vez de fritar, grelhar, em vez de queijo gordo, queijo magro… Coisas assim, mudanças destas, opções de vida.

E depois penso: com isto garanto ter uma vida sem doenças? Garanto que vou durar muitos mais anos? Não, não garanto, mas pelo menos fico de consciência tranquila que tudo o que esteve ao meu alcance eu fiz e, para além disso, reduzo as probabilidades exponencialmente. O que é certo é que me sinto mais forte, mais resistente. Alguma coisa devo estar a fazer bem, certo?

E agora, pela primeira vez na minha vida, tenho um PT (ui, que coisa fina!). Decidi investir, decidi tomar rédeas e ir à luta pela minha forma física, pelo meu corpo e, essencialmente, pela minha saúde. Ai, ando rota… ando com dores e custa muito, ai se custa. Mas começo a ver resultados e isso compensa tudo. Claro que enquanto estou a amamentar não posso fazer dietas, mas decidi que a partir das 18h não ingiro hidratos de carbono, vamos a ver como me dou com esta decisão. Para já está a correr bem.

Esta receita, é uma receita para um brunch. Uma receita leve mas com sabores electrizantes, muito saborosos. Servido juntamente com uma salada, um sumo de frutas e um café, tornam um pequeno-almoço num brunch delicioso.

Bruschetta de salmão e laranja

Ingredientes:

Pão rústico fatiado
Queijo Cool Fresco para barrar Light

Salmão fumado
1 laranja fatiada
Azeite extra virgem
1 dente de alho
Coentros frescos
Pimenta rosa
Preparação:
. Torre as fatias de pão.
. Barre o queijo nas fatias.
. Coloque uma fatia de salmão fumado por cima do queijo.
. Disponha uma fatia da laranja em cada bruchetta. 
. No copo da varinha mágica coloque 40ml de azeite extra virgem, o dente de alho, uma pitada de pimenta rosa e 1 colher de sopa de coentros frescos. Moa tudo e regue um fio deste molho por cima das bruchettas.
. Polvilhe-as com coentros frescos.
Para ilustrar estas minhas imagens, tenho o prazer de vos mostrar a lindíssima balança que a minha querida amiga Luisa do Mundo de Luisa me ofereceu para a decoração da Clavel’s Kitchen. É linda, não é? Mas ainda mais lindo é o livro dela, que brevemente falarei melhor aqui no blogue.
Opções para uma vida mais saudável Comentários
  1. Bom dia Maria João!
    Excelente atitude. Estes pequenos cuidados até podem não nos levar, necessariamente, a viver mais anos, mas acredito que nos vão ajudar a chegar onde quer que cheguemos com mais qualidade, melhor disposição, a sentir-nos melhor conosco próprias. Adorei a combinação de sabores que apresentaste e um destes dias vou experimentar.
    Beijinhos,

  2. Este post fez-me feliz (mais ainda que os outros) 😉 Sabes que este é um tema importante para mim…
    Linda já és, mas sei que te vais sentir melhor e já dizia o outro "Happy wife happy life"!
    Beijooooo

  3. Adoro ler esta "moda" saudável que tem vindo para ficar em alguns blogues. Esses é o caminho para frente, com mais vitalidade e alegria. E sim, tens toda a razão quando dizes que temos que ter tempo para nós. Ultimamente tenho-me sentido desmotivada em relação a uma série de coisas que sempre me animaram, mas a única que ainda não caiu por terra foi a de comer cada vez melhor. Espero arrebitar em breve 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Nome *